Fonte de vida, água é fundamental para a saúde

“São as águas de março fechando o verão, é a promessa de vida no teu coração”. Assim celebra a canção de Vinícius de Moraes, imortalizada pela inesquecível Elis Regina. E, coincidência ou não, no dia 22 de março é celebrado o Dia Mundial da Água, uma data para lembrar da importância da preservação desse mineral para a sobrevivência de todos os ecossistemas do planeta.

E a importância da água vai além, pois o ser humano também necessita desse mineral para sobreviver. E, ao mesmo tempo em que o dia 22 de março nos faz refletir sobre a importância da água para o mundo, devemos também (re)pensar sobre como ela também é fundamental para a nossa saúde.

Água na medida certa

A quantidade de água para nossa hidratação diária sempre é motivo de dúvidas. A maioria diz que, no mínimo, ser necessário tomar dois litros de água por dia. Será que isso procede? A verdade é que o equilíbrio é a chave do nosso organismo!

Especialistas recomendam ingerir líquidos ao longo do dia, principalmente nos dias mais quentes, sempre um pouco por vez, para não ficar muitas horas sem se hidratar. No verão, por exemplo, quando há uma perda de muito líquido através do suor, devemos procurar ingerir a bebida de hora em hora, mesmo sem, necessariamente, sentirmos sede.

Para saber exatamente a quantidade de água que uma pessoa deve ingerir por dia, basta fazer um cálculo: 35 ml de água multiplicado pelo seu peso corporal. Por exemplo: uma pessoa de 45 kg deve tomar 1,5 litro de água por dia (8 copos de 200 ml). Já uma pessoa de 80 kg deve tomar 2,8 litros (14 copos de 200 ml). E uma coisa superimportante: a água não pode ser substituída por outros líquidos como chás, sucos, refrigerantes etc.

Variação na quantidade de água

Mas existem casos em que a quantidade de água pode variar. Com os idosos, por exemplo, esse valor altera de 20 a 30 ml por kg de peso e de acordo com o grau de funcionamento dos rins. Essa quantidade poderá ser aumentada se a pessoa transpirar bastante ou tiver episódios de diarreia e/ou vômito, o que aumenta a perda de líquidos.

Nada de água demais

Por mais tentador que seja, tomar água em excesso pode atrapalhar. Assim como ingerir quantidade de água abaixo do aconselhado é ruim, em demasia a hidratação pode causar um desequilíbrio eletrolítico (dos sais minerais) e causar efeito oposto – a desidratação. Esta, por sua vez, traz uma série de incômodos que só pioram o mal-estar que sentimos com o calor do verão.

Benefícios de beber água

Os benefícios de beber água são muitos. Entre eles, estão manter a pele e os cabelos saudáveis, além de ajudar na regulação do intestino. A ingestão regular de água também tem outras vantagens à saúde:

– Regula a temperatura corporal

– Combate acne, estrias e celulite

– Melhora o funcionamento dos rins

– Previne o aparecimento de pedras nos rins

– Facilita a digestão;

– Diminuí o inchaço

– Melhora a circulação sanguínea

– Ajuda a emagrecer

Depois de ler este artigo, não dá pra deixar de beber água com regularidade, não é mesmo? Então, faça já o cálculo da quantidade certa para você e tenha uma ótima saúde!