FLORES TAMBÉM PODEM SER COMESTÍVEIS

Você sabia que há muitas flores comestíveis? E que elas são saborosas e nutritivas? Sim, você, provavelmente, já experimentou alguma! É possível degusta-las em forma de saladas, refogadas, empanadas ou até geleias. O licor de rosas, por exemplo, é muito apreciado.
Em um país tropical como o Brasil, com estações bem definidas, são muitos os cultivos de flores justamente para este fim. Mesmo quem não se arrisque a comer as mais exóticas, já comeu brócolis ou couve-flor.
Algumas flores comestíveis a gente tem nos jardins e nos vasos, como os cravos, os lilases, as rosas e as dálias. As flores de abóboras, por exemplo, são muito apreciadas. A lista segue com ótima aceitação de rosas silvestres, acácias, flores de ipê, dentre-de-leão, mal-me-quer e por aí vai. Os nutricionistas garantem que são excelentes fontes de várias vitaminas, além alternativa alimentícia que já socorreu muitas famílias em apuros com a fome.
Antes de experimentá-las, no entanto, é importante se informar sobre a procedência e todas as características das flores que se planeja comer. Há flores parecidas na natureza e que podem ser confundidas, conter algum tipo de toxidade ou provocar alergias. Para as que estão liberadas há mil receitas para prepará-las e devorá-las.